Publicado em:

Projeto Memórias em Pauta publica revista e livro escritos por estudantes do CIEJA Perus

Matéria produzida pela equipe Imprensa Jovem + CIEJA Perus

memorias_ciejaperus_740x430.jpg
Professores Adriana das Graças, Ceciana de Melo e Rossini Castro entregam o certificado e a revista Memórias em Pauta à aluna repórter Eliane Maria da Silva.

Matéria produzida pela equipe Imprensa Jovem + CIEJA Perus.

No dia 6 de dezembro, no Centro Integrado de Educação de Jovens e Adultos Perus I, foi feito o lançamento da primeira edição da Revista Memórias em Pauta, com entrega de Certificados aos estudantes que participaram da Oficina de Radiojornalismo. A Oficina, iniciada em 2016, este ano ganhou novas contribuições de estudantes e professores com o projeto da revista Memórias em Pauta, visando um trabalho colaborativo e significativo.

O projeto da revista, composta por 19 textos escritos pelos estudantes da Oficina, parte do resgate das histórias de vida, identidade e memória para, a partir daí, a realização de propostas de reportagens no território de Perus. A primeira parte do projeto envolveu a escuta atenta dos estudantes, pesquisa de fotos e histórias de vida, registradas em revista e livro, do tempo de infância de nossos estudantes, das dificuldades na terra natal, da migração, da luta por moradia, saúde e educação, entre outras histórias.

Esta Oficina de Radiojornalismo já passou por diferentes etapas desde sua criação em 2016. Inicialmente criou-se a Rádio Whatsapp, alimentando o site Imprensa Jovem Mais. Em 2017, os estudantes realizaram reportagens internas, principalmente com o objetivo de fazer os programas de rádio com informações sobre os eventos do CIEJA Perus I. Em 2018, a Oficina ganhou novas contribuições e formatos, inclusive com a introdução do telejornalismo, que estimulou o projeto da revista Memórias em Pauta.

Clique aqui e conheça a revista Memórias em Pauta. 

memorias_ciejaperus_2_740x330.jpg
Aluna repórter Michele Ferreira Rangel recebe certificado e a revista Memórias em Pauta.

“Os estudantes se envolveram profundamente com a escrita de suas histórias, superando as expectativas iniciais de textos curtos, e passaram a escrever relatos mais longos e completos”, explica o Professor Rossini Castro e, como exemplo, cita os registros da aluna repórter Gicélia Pires da Silva, que resultaram no lançamento de um livro intitulado “Viver e Resistir”.

memorias_ciejaperus_3_740x430.jpg
Lançamento do Livro “Viver e Resistir” da aluna repórter Gicélia Pires da Silva no CIEJA PERUS I.


Para a aluna repórter Gicélia Pires da Silva, escrever a sua história foi como viajar no tempo e poder compartilhá-la com outras pessoas a deixou muito feliz. “Fiquei muito emocionada em deixar uma mensagem carinhosa em cada livro. Espero inspirar outros alunos a escrever sua própria história”, conta Gicélia. Ela exorta os alunos que têm uma história parecida com a sua a não desistir, perseverar no sonho de aprender a ler e escrever e conclui que “a escola é transformadora, tem a capacidade de nos encorajar, de nos dar autoestima e nos faz acreditar que o vencedor é aquele que persevera na luta. Quando entrei no CIEJA Perus I mal conseguia me expressar e hoje saio formada e com um livro publicado”.

memorias_ciejaperus_4_740x430.jpg
Aluna repórter Gicélia Pires da Silva autografado seu livro

“Não é tarefa fácil revisitar o próprio passado e se dispor a recontá-lo, compartilhando experiências. O processo de criação se mostrou rico, uma vez que os estudantes se sentiram valorizados e estimulados a pesquisar, redigir, digitar e editar seus próprios textos. Por termos como ponto de partida as histórias vividas pelos próprios estudantes, os desafios propostos foram significativos, com as diversas vozes em ação”, afirma a professora Ceciana de Melo. “Cada história de vida tem sua originalidade, com experiências únicas, mas também se descobrem pontos em comum, histórias que se intercruzam”, conclui.

Clique aqui e acesse o livro Viver e Resistir. 

Professores responsáveis:

Adriana das Graças, Ceciana de Melo e Rossini Castro.