Portal da Secretaria Municipal de Educação

Áreas de Conhecimento

Artes

História e Cultura Africana/Ensino Fundamental

A proposta do curso de Artes e Culturas Africanas e Afro-brasileira para a formação de professores de Educação Infantil e Ensino Fundamental é proporcionar aos (às) educadores (as) o acesso aos conceitos básicos para o ensino de artes no campo das representações artísticas africanas e afro-brasileira. A arte é entendida aqui como expressão estética das comunidades, portanto, inserida no quadro da diversidade cultural que forma a sociedade brasileira e suas manifestações, apropriações e invenções estéticas das culturas africanas e afro-brasileira. Utilizando elementos da linguagem artística, visual e áudio-visual pretende-se envolver o (a) educador (a) tanto no campo da reflexão conceitual quanto no das práticas do fazer artístico afro-brasileiro, com o objetivo de contribuir para o aperfeiçoamento do seu trabalho junto aos alunos.

De acordo com as determinações das Leis Federais nº 10.639/03, 11.645/08 e alterações posteriores objetivamos introduzir professores e gestores aos estudos concernentes ao continente africano, aos processos históricos, sociológicos e políticos, visando uma melhor compreensão das questões contemporâneas nas diversas regiões da África, assim como, discutir as intervenções didáticas que contribuem para o avanço dos estudos sobre cultura e história afro-brasileira. Nesse sentido, importa oferecer suporte aos professores para que possam transformar sua prática de sala de aula, conhecendo e sendo multiplicadores da área de conhecimento Histórias e Culturas Afro-brasileira e Africanas. Além disso, ao fomentar a elaboração de novas práticas pedagógicas pretende-se que os alunos possam ter condições para continuar aprendendo e se desenvolvendo, visando a valorização do patrimônio sociocultural e o respeito à diversidade, reconhecendo-a como um direito dos povos, dos indivíduos e como um elemento de fortalecimento da democracia.

Étnico-racial/Educação Infantil

Literatura e Cultura Africana e Afro-brasileira

O curso de formação de professores Educação para as relações étnico-raciais na Educação Infantil visa fomentar a elaboração de novas práticas pedagógicas com ênfase na diversidade, além de refletir sobre as situações intencionais ou não de preconceito, discriminação, supremacia e hierarquias raciais institucionalmente presentes na sociedade brasileira. Para isso se valerá de aulas expositivas, análise do material didático em circulação, da elaboração de novos materiais, reflexão sobre os espaços escolares e a representação da diversidade na constituição deste. O curso adota como ponto de partida para o desenvolvimento de práticas escolares as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação das Relações Étnico-raciais e para o Ensino de História e Cultura Afro-brasileira e Africana (2004), as Orientações Curriculares: Expectativas de Aprendizagem e Orientações Didáticas para Educação Infantil (2007), as Orientações Curriculares e Proposição de Expectativas de Aprendizagem de Educação Étnico-racial (2008) e o Referencial Curricular Nacional da Educação Infantil (RCNI,1998).

O curso de formação de professores em Literaturas e Culturas Africanas e Afro-brasileira busca aprofundar discussões e munir os educadores de ferramentas pedagógicas acerca das particularidades da literatura afro-brasileira e das literaturas oriundas dos cinco países africanos de língua oficial portuguesa (Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe, Cabo Verde, Moçambique e Angola), ressaltando suas relações históricas e culturais. Os documentos, Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação das Relações Étnico-raciais e para o Ensino de História e Cultura Afro-brasileira e Africana (2004) e as Orientações Curriculares e Proposição de Expectativas de Aprendizagem de Educação Étnico-racial (2008) balizam a metodologia e os conteúdos abordados no curso, visando, assim, a criação de práticas educacionais que contemplem à diversidade social, cultural e histórica da comunidade escolar e dos povos formadores do tecido social brasileiro.

História, Cultura e Literatura Indígena

Étnico-racial/Ensino Fundamental

O curso Culturas e Histórias Indígenas tem por objetivo apresentar aspectos fundamentais desta temática, visando à sua incorporação nos currículos oficiais de ensino. O curso procura contribuir para a elaboração e implementação de ações pautadas nas Orientações Curriculares e Proposição de Expectativas de Aprendizagem de Educação Étnico-racial (2008), portanto, estabelecendo um diálogo prático e teórico com a Lei nº. 11.645/08. O reconhecimento legal da importância de uma educação voltada para a divulgação de conhecimentos sobre os povos indígenas brasileiros, suas culturas, histórias e direitos é fruto do engajamento intenso dos movimentos indígenas na política nacional. Esta conquista é também um meio de possibilitar o acesso de crianças, jovens e adultos a uma educação que alimente o respeito à pluralidade cultural e o respeito às diferenças. A partir dos temas abordados no curso e da apresentação de um conjunto de materiais bibliográficos, audiovisuais e sites, os educadores são orientados a desenvolver atividades pedagógicas e pesquisas complementares para que deem continuidade aos debates e reflexões nas unidades escolares.

O curso atende à LDB – Lei de Diretrizes e Bases da Educação Brasileira no. 9394 de 20 de dezembro de 1996, alterada em seu artigo 26-A pelas Leis 10.639/03 (Resolução CNE/CP 003/2004) e 11.645/08. Ambas as legislações introduziram na Educação Básica nacional a obrigatoriedade da temática “História e Cultura Afro-brasileira, Africana e Indígena” abrindo possibilidades para o desenvolvimento de práticas educativas, que propiciem a compreensão da diversidade étnica e cultural do país como elementos fundamentais ao processo de aprendizado dos/as alunos/as. Em módulos específicos, educadores/as, gestores/as e equipe técnica tomam contato com os temas inerentes às Orientações Curriculares e Proposição de Expectativas de Aprendizagem de Educação Étnico-racial e seus Eixos conceituais, que explicam e explicitam a forma como as desigualdades sociais, raciais e de gênero operam no Brasil e no mundo. Neste sentido, o curso prioriza o currículo e a interligação de saberes, apresentando metodologias que contribuem para o Projeto Político Pedagógico baseado nos Princípios das Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação das Relações Étnico-raciais Ensino de História e Cultura Afro-brasileira e Africana. O curso estimula o uso de práticas educomunicativas e dialoga com as novas linguagens tecnológicas (blogs, redes sociais) como ferramentas atrativas ao aprendizado coletivo.

Cultura, História e Literatura Latino-Americana

O curso propõe a elaboração de práticas pedagógicas ressaltando vivências, reflexões e debate sobre a presença boliviana no município de São Paulo, tendo por foco as características da cultura desse país, os motivos e as consequências da migração. Entendendo São Paulo como um “lócus” significativo para percebermos os processos de globalização, objetivamos através da questão boliviana, abranger a inserção social pela ótica da solidariedade e da convivência, possibilitando movimentos dialógicos a partir das diretrizes apontadas pela lei 10.639/03 e os encaminhamentos da lei 11.645/08. Desta forma os cursos dessa área visam acionar as expectativas e acúmulos sistematizados do projeto de Orientações Curriculares e Proposição de Expectativas de Aprendizagem de Educação Étnico-racial (2008), em conjunto com as Diretrizes Curriculares Nacionais para a educação das relações étnico-raciais e para o ensino de história e cultura afro-brasileira e africana (2004). A formação continuada dos profissionais da educação possibilita que as unidades escolares propiciem aos estudantes a capacidade de aceitar e conviver com a diferença, de respeitar a alteridade, construindo e reconstruindo a própria identidade em contato com o(s) outros(s).